domingo, 3 de outubro de 2010

domingo





Chove muito neste domingo estranho,
parece que estão lavando 
as almas dos impuros.
Um vento frio e úmido em plena cidade
sem nenhum ruído a não ser o som
de Amy ritmado com a tempestade,
Ouço agora os saltos dos sapatos 
de uma solitária na calçada
voltando da festa sozinha e triste.
Os pingos da chuva
escorrendo pelos bueiros
nas labaredas das águas frias
   descendo a ladeira.
Se chuva é de vida, que chova,
Chovesse então o teu sorriso
que enfim esfacelasse
torrencialmente sobre mim
até a tua chegada antes do verão!
(texto&photos por tossan)
visite o álbum b&W

73 comentários:

  1. Suas imagens e seu poema, perfeitos para esta noite de friozinho inesperado.
    Ainda chove aí? Aqui a chuva parou, faz frio apenas.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Foto spettacolari, Tossan!

    ResponderExcluir
  3. Siempre me despiertan sentimientos tus palabras, muy bien acompañadas con fotografías que refuerzan las sensaciones de las que nos habla el poema.
    Un abrazo, amigo

    ResponderExcluir
  4. Estas con todo lo que te rodea , felicidades me gustan las tres
    Un abrazo

    ResponderExcluir
  5. Que coisa linda, amigo! Dizes o que não se deve calar. Shots fantásticos.Parabéns!
    Beijo*

    “O artista como artista sente menos do que os outros homens porque produz ao mesmo tempo que sente, e nesse caso há uma dualidade de espírito incompatível com o estar entregue a um sentimento.”
    Fernando Pessoa

    Renata

    Gostei muito dos pxbs. Procurei a *alegria* e não encontrei. Vou procurar de novo.

    ResponderExcluir
  6. Por aqui tambien comienzan las lluvias y con ellas el tiempo otoñal y triste , los dias se acortan.....

    Muy bonito reportaje con unas palabras preciosas.

    Besos

    ResponderExcluir
  7. gostei imensamente deste teu poema! muito mesmo, e as fotos ao como sempre otimas! un enorme abraço

    ResponderExcluir
  8. Aqui também tive um domingo estranho como esse...
    mas sempre vem paz depois da chuva.

    Belas e tocantes imagens!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. E que a chuva lave as almas e as consciências, e que os sorrisos invadam as almas e os corações.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  10. Segunda-feira começando igual a esse domingo.

    Lindas fotos amigo.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  11. um domingo de chuva por aqui também, apenas não consegui captar imagens tão belas como as suas
    um beijo e boa semana

    ResponderExcluir
  12. Tossan, essa foto do meio é simplesmente fabulosa, fabulosa!!!

    E podes crer, a chuva lava mesmo a alma dos impuros e não só.
    Esse poema está lindissimo também,
    Para quem diz que não é poeta, eu te digo que escreves muito bem meu Amigo!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Sorriso que exala primavera, para abrir a então porta dos sentimentos mas arrebatadores vestidos de verão! Que fotos fantásticas! Beijo Tossan

    ResponderExcluir
  14. Sometimes the rain can give us many different feelings...
    I like the rain in summer, so cool!

    Best regards
    Rafael Lam

    ResponderExcluir
  15. Seria uma pecado chamar essas imagens de fotos, verdairas OBRAS DE ARTE.

    Parabéns!

    Por favor, quando for fazer sua exposição me avise, quero ser a primeira a assinar o livro de visitas. rsrs


    beijos, de sua fã

    ResponderExcluir
  16. Una belleza de imagenes, tendremos ya que acostumbrarnos a este tiempo lluvioso que también nos aporta bellas fotos, un abrazo amigo Tossan

    ResponderExcluir
  17. Preciosistas y detallistas fotografías, acompañadas de un bonito texto. Felicitaciones¡ Saludos y feliz semana.

    ResponderExcluir
  18. Has encontrado un buen detalle en el espejo retrovisor del coche, como en otras colecciones de fotos que he visto en tu blog enhorabuena por el, te seguiré saludos...

    ResponderExcluir
  19. Uma beleza de composição de fotos e de palavras e de sentires.
    Perfeito
    Por cá também choveu bastante...água e tristeza pelo novo pacote orçamental...implementado pelos "desgovernantes políticos com narizes de pinóquio".
    Abração
    Mer

    ResponderExcluir
  20. "Se é de vida, que chova,
    chovesse então o teu sorriso
    que enfim esfacelasse
    torrencialmente sobre mim
    até a tua chegada antes do verão!"

    Que coisa mais linda, cheguei entrei e amei por aqui!!!

    Muita Luz pra Ti

    ResponderExcluir
  21. meu querido amigo,com todos os percausos não resisti a chuva tão bela ,eu adoro ,ficou lindo!!!parabéns meu querido logo estarei voltando bjo! nota1000,vc esta demais nos poemas...

    ResponderExcluir
  22. Que bom que choveu e com isso fomos beneficiados não só pela chuva mas por estas lindas fotos e esse texto maravilhoso.
    Triplamente comtemplados.
    Abraços
    José Jaime

    ResponderExcluir
  23. A chuva deu uma bela poesia e mais belas fotos ainda.
    A segunda foto está simplesmente divina.
    Parabéns pelo trabalho.

    ResponderExcluir
  24. Há dois meses não chove por aqui. E mesmo assim o domingo também foi estranho...
    Gosto de tuas fotos sob chuva.

    beijos

    ResponderExcluir
  25. Caramabaaaaa, conseguiu fazer de um dia de chuva pura magia rsrsrs lindas demais essas fotos. ;p

    ... hoje minha filha olhou pra mim e disse: Mãe, queria morar nos Estados Unidos, esse pais é uma lástima. O digo pra uma criança na situação atual ? já é difícil ter esperança, pior ainda é fazer com que elas tenham. :(

    bjs

    ResponderExcluir
  26. Adoro chuva. Lindas as fotos.
    O poema é a arma do poeta, seu corpo, seu grito, seu sabor.

    Parabéns poeta.

    Beijos

    ResponderExcluir
  27. Chovendo sem parar agora... e frio...

    Ao som do Sinatra, essa fotos embalam a alma...

    Beijos teesperonaproa. ;)

    ResponderExcluir
  28. as fotos estão uma beleza e o poema cadencia as gotas de chuva que vão caindo no chão, melancolicamente num domingo de primavera
    Bj

    ResponderExcluir
  29. Muita chuva, muito frio. aqui dentro ficou tão vazio.

    bjs
    Insana

    ResponderExcluir
  30. Como sempre, poemas e imagens deslumbrantes. Bela chuva. Beijos.

    ResponderExcluir
  31. Grande TOSSAN
    Poema fabuloso!
    Pois que o Verão possa aportar por aí depressa, são os votos deste amigo de além-mar.
    Abç
    G.J.

    ResponderExcluir
  32. Ah, muito boas essas fotos chuvosas...
    Abraço

    ResponderExcluir
  33. Tossan, a punjança de sentimentos que escorre de suas palavras encantam e enternecem.


    A fotos... Bem, dispesam comentários.


    Beijos meus

    ResponderExcluir
  34. Tossan,

    Um belo efeito nas fotos. O poema eu adorei!

    “...chovesse então o teu sorriso
    que enfim esfacelasse torrencialmente sobre
    mim até a tua chegada antes do verão!”


    Se é de vida, que chova !!!

    Carinhoso beijo, amigo.

    ResponderExcluir
  35. Oi Tossan...bom era no tempo de criança em que gostavamos de ficar na chuva...chegar molhado em casa...acho que era como se fosse uma chuva de sorrisos mesmo...
    Fazia bem pra alma...hoje a gente foge dos pingos, a não ser que eles sejam de sorrisos, ai sim val a pena se molhar...
    Um abraço na alma

    ResponderExcluir
  36. > Chove muito sob o domingo estranho <

    Fantásticas as mágicas palavras que acompanham três imagens muito belas!

    1 Abraço.

    ResponderExcluir
  37. Pois é, meu poeta amigo Tossan, precisaremos de muita chuva para lavar algumas almas impuras e desonesta que irão "aportar" lá pelos lados do planalto central. Que Deus, e quem mais puder nos proteja...

    forte abraço

    C@urosa

    ResponderExcluir
  38. "se é vida, que chova
    chovesse então o teu sorriso
    ...
    torrencialmente sobre mim"

    Confesso que adoro andar à chuva, gosto mesmo de a sentir no corpo... agora nesta sua poesia todas as gotas ganham outro brilho, pois chover-me em cima o sorriso de alguém... é simplesmente divinal esta sua construção poética!

    Gostei imenso!

    Beijinho

    ResponderExcluir
  39. Nunca sei o que che dicir, os teus poemas sempre estan cheos de intensidade, son sensitivos, tocan os sentimientos docemente.

    A chuvia sempre deixa ese aire de melancolia inspiradora de fermosas fotografias e por suposto das tuas palabras.

    Un bico :)

    ResponderExcluir
  40. "Chove na natureza e chove no seu coração"

    ResponderExcluir
  41. Amigo Tossan gostei da trilogia da chuva, mostra a tua tendência para o fotojornalismo. Devo o café. Abraço

    ResponderExcluir
  42. Chuvinha de beijo p'ra você :-)))

    ResponderExcluir
  43. Aqui na Veneza também chove e ouvir cair a chuva com a música do Sinatra até que sabe bem:-)
    Adorei este maravilhoso poema com uma chuva imensa de lindos versos e também adorei as magníficas imagens bem molhadas!!!
    Parabéns amigo está excelente!!!
    Beijinhos,
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  44. Ah! a chuva em toda a sua beleza!

    Bjos

    ResponderExcluir
  45. "...chovesse então o teu sorriso
    que enfim esfacelasse torrencialmente sobre mim...".
    Excelente, caro amigo, fotos e poema.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  46. Mas a chuva é um bem necessário. :-)

    Adorei a segunda fotografia, em que o candeeiro de rua, parece um chuveiro. :-)
    E também gostei da primeira fotografia, em que o momento não poderia ter sido melhor apanhado.

    ResponderExcluir
  47. Meu querido amigo
    Maravilhoso poema, como sempre.
    As fotos estão fabulosas.

    beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  48. "Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças"
    Charles Darwin


    Bjs
    Insana

    ResponderExcluir


  49. Lavando a "ARMA"
    pingando o "CARMA"...

    TUDO BOM!

    ResponderExcluir
  50. Chuva pra lavar a alma,,,o corpo,,,o mundo,,,a solidão,,,pra fazer sentir alivio imediato,,,e deixar tudo a renascer...belissimas imagens,,,,abraços de bom final de semana e otimo feriado.

    ResponderExcluir
  51. Muuuito boa Tossa, ver o tempo e fazer um poema. Bem q cara de domingo a chuva e as fotos belas como sempre.
    Abração!

    ResponderExcluir
  52. De novo.Adoro fotos na chuva, acho q da imagens super interessantes, como essas suas.
    Abraços

    ResponderExcluir
  53. se calhar estão mesmo a querer lavar as almas destes impuros que existem por esse mundo...mas quem apanha com a chuva e fica molhado...não são eles!!! :)

    ResponderExcluir
  54. Domingo... É um saco.
    Mas esse domingo, com essas imagens deve ser mais bonito.

    Beijos

    ResponderExcluir
  55. Belo como v. consegue retirar de um fenômeno, que às vezes pode trazer graves consequências, em momento lírico. E as fotos? Até debaixo d'água, meu amigo, v. se supera :) Abração.

    ResponderExcluir
  56. e por aqui, hoje o tempo também está assim...

    liquidamente belo este poema

    abraço

    walter

    ResponderExcluir
  57. ...sim meu querido amigo,
    domingo choveu muito tbm
    por aqui, mas aqui, nesta
    tua casa linda, o que vejo
    é um temporal de sensibilidade
    mesclando imagens e palavras
    de encantar!

    maravilha de post como sempre!

    bjbjbj

    ResponderExcluir
  58. Agua de otoño amigo, agua de otoño.

    Saludos y un abrazo.

    ResponderExcluir
  59. E vai lavando tudo!...
    Entre os clarões do relâmpago, trovões e tempestade, há de vir a calmaria com ares mais limpídos!

    =)
    É lindo aqui!
    bj . LizA

    ResponderExcluir
  60. Olá,Tossan!
    Que venha a chuva
    trazendo o frio gostoso.
    Que venha a chuva
    trazendo a esperança
    de ver o arco-íris.
    E no final encontre
    o brilho de um novo dia.
    De alma lavada
    poder agradecer por
    um lindo dia de sol
    depois da chuva.

    Um lindo final de semana, chuvoso!
    Bjs!!
    as arteiras

    ResponderExcluir
  61. Essa postagem me lembrou a minha amada São Paulo.

    Eu amo chuva. Ela é tão linda quanto o sol.

    Daniel

    ResponderExcluir
  62. ººº
    Muito bom trabalho... numa excelente galeria de fotografia.


    Abraço !

    ResponderExcluir
  63. Os contrastes nos surpreendem, intrigam e desapontam. Procuramos ler o motivo e atribuímos causas e razões.
    Não há justificação nem tem que haver.
    Ao ruído enervante do vento frio segue-se o som de mil pingos abafando na sua humidade o sapatear de incauto solitário se deslocando à noite na calçada.
    Bela e inesperada a visão. Mas, chuva na Primavera? Sem justificação? Chuva, chuva é água. Água é vida..., quero molhar-me.

    A idéia é sua. Eu só dissertei.
    Obrigado.

    Abraço.

    Bonitas as fotografias.

    ResponderExcluir
  64. lindas fotos meu bem!

    belo poema!


    bjbjbjbj


    te adoro!

    ResponderExcluir
  65. Domingo com esse tempo o jeito é usar o guarda-chuva ou então ficar em casa vendo as tuas belíssimas fotos e a poesia que dá um charme todo especial nesta edição. Beijuss

    ResponderExcluir
  66. Olá! Td bem? Espero que sim. Caprichei nas fotos, tem umas maravilhosas, eu não tenho uma Canon, mas vou melhorar minha máquina para uma próxima aventura... hehehe

    Estou colocando as fotos aos poucos, mas acho que vais gostar das que eu tirei em Giverny - Casa de Monet. Pena o frio repentino, uma pessoa tropical sofre um pouco..hehehe

    Acabaram-se as férias... triste!!!

    Posso te pedir um voto no TOP Blog? Estou entre os 100 lá no Esportivo.

    Espera que eu vou atualizar o vôlei!!!
    Beijos e boa semana!

    http://apenasumpontoesportivo.blogspot.com/
    http://apenasumponto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  67. Tossan! Amigo!

    Fotos magníficas.
    Maravilhosas, que ilustram lindamente as suas palavras neste Domingo sem chuva :)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  68. Hello,

    good to be here, and visit through your good job of your nice site.

    more over I have linked your site, could you link me back?

    this is my site:
    http://www.khmergay.net/

    I do hope you would not mind to exchange link with me

    best regards,
    Khmergay.net

    ResponderExcluir
  69. Boa noite meu amigo Tossan!!!!

    Cada vez que venho aqui fico maravilhado com as fotos e poemas, esta escrevendo cada dia melhor e as fotos nem falo pq sabe como é, aluno não pode falar do professor.
    Estamos todos aqui esperando vocês para fotografar e fazer aquele churrasco que não pode faltar rssssssssss.

    Abraços para vocês

    ResponderExcluir
  70. Tossan

    Algumas saudades.

    Mostras de forma clara e dizes feliz, quanto gostas de fotografia.

    Reter momentos teus, dos outros, da Natureza e do Mar, o teu outro encanto.

    Gostei de te rever e te reencontrar

    Maria Luísa

    ResponderExcluir
  71. Ah mas este fotografo é sensibilidade pura!Q lindas imagens captatadaste(amo a chuva!)sem falar q vc brincou com o tempo a noiter e o espelho!ADOREI!

    ResponderExcluir

  72. Ojalá las lluvias de domingo borraran todo aquello que deseamos eliminar de nuestras vidas. Llegará el verano, y tendremos que desear de nuevo, que otras lluvias calmen nuestros ardores.
    Buenas fotos para ilustrar tu poema.

    abraço

    CR & LMA
    ________________________________

    ResponderExcluir
  73. Gosto da chuva e da sua nostalgia. Belos pormenores!

    ResponderExcluir

Não costumo comentar pelo Google+, deixe o link do seu blog quando comentar pelo navegador. Obrigado

No suelo comentar sobre el Google+, dejo el enlace a su blog cuando usted comenta en el navegador. Gracias

I do not usually comment on the Google+, leave the link to your blog when you comment on the browser. Thank you

" Posso não concordar com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até o fim o vosso direito de dizê-la" ." (Voltaire)
Antes de mais nada fica estabelecido que ninguém vai tirar meu bom humor. (Fernando Sabino)

"Puedo no estar de acuerdo con una sola palabra de lo que dices, pero defenderé hasta el final su derecho a decirlo". "(Voltaire)
En primer lugar se establece que nadie va a tomar mi buen humor. (Fernando Sabino)

"I may not agree with a single word you say but I will defend to the end your right to say it". "(Voltaire)
First of all it is established that no one will take my good mood. (Fernando Sabino)