sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

ódiofobia

***

O ódio é desalmado é traumático,
significa o princípio do fim.
É a derradeira síndrome
da terrível dor do desamor.
Uma "pirofagia" crônica do ódio doentio,
transmissor da paranóia
na fase terminal do amor.
É o início da histeria que oculta o ódio
que na verdade não passa de uma cilada.
Dói no peito tornando-se em agonia múltipla
quando a metamorfose se consome,
a alma padece deixando seqüélas irreparáveis,
tornando o ódio com conseqüêcias da moléstia.
Embora, o amor e o ódio continuam nesta fusão:
Fere, adoece, enlouquece e pode matar!
(texto&photos por tossan)
*
Neste texto eu não me refiro a love/end e sim em guerras,
agora como os bombardeios de Israel na faixa de Gaza.
Guerra sem fim!. É o ódio entre humanos também não para!
*
blog convidado desta postagem,
http://pensamentosefotos.blogspot.com

77 comentários:

  1. Oi Tossan, dizem que amor e ódio andam juntinhos de mãos dadas, prefiro não acreditar nisso, ou não querer isso para ninguém, mas sei que muitas vezes isso acontece, e quando acontece é realmente muito triste...pois a palavra ódio não deveria existir nem mesmo no dicionário, quanto mais na alma da gente...grande abraço amigo...belo poema, meio triste, mas ainda assim profundo...bela foto como sempre...bom fim de semana...Assim que postar te envio o selo...rss..valeu amigoooo

    ResponderExcluir
  2. Ódio,um rancor profundo,aversão que pode levar a morte, como bem disseste,taí um sentimento que nenhum ser humano deveria deixar se contaminar,mas a bem verdade não é assim que sucede.

    Um belo poema,oras amargo(forte) oras reflexivo na sua lógica.

    Parabéns poeta.

    2009 com realizaçoes e o q desejo pra voce.

    Abraço & Paz

    ResponderExcluir
  3. "Amor e ódio estão diante do homem, e o homem não sabe escolher."
    (Textos Bíblicos)
    Mas como disse o Elcio " ódio não deveria existir ", prefiro nem pensar nesta palavra.
    O amor é lindo se bem cultivado e regado.

    Adorei as fotos!

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Tossan amigo

    "Sua amiga me tornei
    de maneira especial

    num cantinho em meu pc
    um mais que virtual

    nossas energias passamos
    nossas orações pedimos

    que tudo se realize
    para os amigos que não vimos

    nem podemos tocar
    mas no coração sentimos

    mesmo além do grande mar...
    é bom contigo contar..."

    Amigo acho que todos nós que amamos e sabemos valorizar os mais puros dos sentimentos "temos um pouquinho de drummond" heheh

    beijos mil da sua e sempre rosa amiga
    Iana!!

    PS: continuo acreditando em minha cura.. :(

    ResponderExcluir
  5. interesnte blog...
    salues!

    ResponderExcluir
  6. Força aos braços, Tossan! Para que rememos em sentindo contrário ao ódio e nos aproximemos ao amor...
    Adorei o neologismo "odiofobia". Me desculpe o desaparecimento, já deixei rastros por todas as imagens e textos que ainda não havia percorrido...

    Um forte beijo e muito amor pra ti! E um ótimo 2009.

    ResponderExcluir
  7. Salvé! Grata pela visita.

    Um tema destes em início de Ano, penso que seja um pouco assustador e pessimista, não?

    Mariz

    ResponderExcluir
  8. Belíssimas imagens, caçador da luz.

    ResponderExcluir
  9. ter uma prenda no meu blog, felicidades
    Miguel Angel

    ResponderExcluir
  10. Gostei das fotos,
    sempre muito bonitas,
    mas,
    o texto muito " pesado " para início de ano,
    concordo com a Mariz,
    abçs,
    do amigo

    ResponderExcluir
  11. O ódio é o outro gume desta faca chamada amor.
    Querido, Tossan:
    Vc me disse para que eu não me preocupasse, que eu não precisava chamar que vc iria todos os dias aos meus Blogs. Só que isso não tem acontecido.
    Veja bem, não estou cobrando. Mas os meus Blogs, ultimamente, têm poucos leitores, porque não posso chamar a todos, estou muito doente.
    Então, peço que visite os meus humildes Blogs, todos têm postagens novas.
    Beijo terno,
    Renata

    ResponderExcluir
  12. Fico tranquila com este post odioso porque sei que seu coração esta exalando amor! E te digo mais, meu amor agora anda do lado do odio! Mas isso passa rapidim... O ano iluminado chegou Tossan! Tin tin mais uma vez!
    bjos e bjos

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Belo poema !

    É "terrivel esta dor de desamar".

    Do ódio, temos que fugir como duma doença/praga ou nos proteger ou combatê-lo com o amor.
    "Se o ódio responder ao ódio com ódio, como acabará o ódio ?"
    [Bouddha]

    Beijinhos verdinhos de esperança

    ResponderExcluir
  15. Tossan, obrigada pela visita.
    Teu blog tem um quê de mágico, cada imagem parece viva, parabéns.
    e maravilhosos teus poemas emoldurando as fotos.

    Sucesso prá você e que 2009 seja um ano brilhante.
    Beijos!
    Cleo

    ResponderExcluir
  16. Achei o máximo o "ódiofobia". Repulsa ao ódio... que realmente que bem traz? Raivas, estamos todos a ter algumas de vez em quando. Transformá-las em ódio e destruir-se pouco a pouco. Aliás, como já "diziam": "O ódio é o veneno que v. toma, desejando que o outro morra". Para mim, uma perfeita definição. Abração, amigo.

    ResponderExcluir
  17. ..há quem viva de ódios....desde qnd Caim matou Abel...se bem me lembro, Adão teve um terceiro filho Set e dele saiu toda a geração de Abraão, inclusive Noé. O ódio as vzs fundamenta a evolução da vida....é um paradoxo, mas é a verdade!
    abraços amigo

    ResponderExcluir
  18. Querido Fernando, por mais duro que seja o teu texto-poema, é uma realidade... !
    Temos que saber lidar muito bem com esses sentimentos, que são completamente destruídores, quando usados com maueza...!
    As fotos lindas como sempre...
    Beijinhos de carinho e ternura,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  19. Oi, querido.

    Excelente reflexão nos ofereces.
    Neste ensejo, penso as doses possíveis, disto que seria - 'sentir o ódio' 'experimentar o ódio'...
    Bem na dose que encontrei como suportável para mim, eu ainda utilizo uma química e, misturo ao ódio, uma volaticidade, porque não deixo que ele use - nem a memória, nem a vingança.
    Assim, as pequeninas doses de ódio que 'humana' me permito sentir, são insignificantes e voláteis. Não me intoxicam nem, tão pouco, 'matam'.

    Em outras palavras, poderia considerá-las como 'salubres'.

    Porque claro, Tossan, ódio também é humano e, o cuidado que precisaremos ter, é que ele não se desgoverne, porque ai, sim, ele nos faz matar, ou nos intoxicam de tal modo, que ele mesmo, a nós, obtua.

    Querido, como podes dizer que não 'arranjas' bem as palavras?
    Que não és poeta?
    Que não tens 'afinidade com elas?

    Se poemas assim, tema tão forte?

    Tossan, és poeta e és Lindo!

    E simples, assim.....

    Carinho, muito e sempre.

    ResponderExcluir
  20. Tossan,

    O odio é a doença da mente.
    Suas fotos são perfeitas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Belo texto, mas confesso não ter percebido a ligação com as imagens... hoje em dia, um remo de madeira é-nos tão ameaçador como em tempos foram os barcos dos vikings... atrás de um remo de madeira podem vir esses emigrantes do norte de África ameaçar o nosso bem estar.

    ResponderExcluir
  22. Tossan

    Você disse tudo sobre o ódio. Ele na realidade nos fere, adoece, nos faz mal. Nos aprisiona.

    Antes de escrever, fiquei pensando se sinto, ou quanto tempo faz que não sinto...Libertarmos do ódio, é nos libertar do outro, é entender o outro, talvez por isso seja tão difícil.

    Tão encantada com as fotos. Esse remo tocando a areia...

    ResponderExcluir
  23. Elcio amigo Verseiro, O ódio que repudio no texto não é do Love/end e sim aquilo o que está acontecendo em Israel neste momento cheios de bombardeios por exemplo. Espero que não tenha assustado ningém com o meu texto diferente do costume. Abraços

    ResponderExcluir
  24. Olá Tossin
    Não acredito que o ódio seja o principio do fim, apenas se o homem quer!
    Alguém um dia disse:

    "Ódio é água que molha sem molhar,
    É a cegueira que vislumbra mas não se vê!
    É uma felicidade de um infeliz, porquê?
    É prazer em dor por não poder amar."

    Um abraço e boa semana

    ResponderExcluir
  25. "Ódio" é uma palavra odiosa. Não gosto dela.

    O ódio é mau. Especialmente para quem se deixa consumir e levar por ele.

    Um bom conselho que se pode dar a alguém nessas circunstâncias é: "Não odeie. Ame!"

    ResponderExcluir
  26. Excelentes imágenes, que se transpiran hasta casi irse para reinventarse cada vez que alguien las vuelve a ver. Te felicito por ellas y espero que tengas un muy buen 2009, lleno de arte y de satisfaciones culturales.

    Salud!

    ResponderExcluir
  27. Olá Tossan...entendi, mas de qualquer forma, ódio é ódio e não deveria existir em forma nenhuma...
    Você tem razão, é uma coisa doentia, que fere, adoece, enlouquece e infelizmente mata inocentes...
    Vou deixar aqui uma de minhas poesias que falo sobre este assunto, tenho duas que fiz em outras épocas, pois a estória vive se repetindo e as autoridades não chegam a um consenso...aí vai...

    HOMENS E BOMBAS

    MINHA FACE RUBRA É PÁLIDA
    DE RUGAS FRIAS E UNGIDAS
    MINHA VISÃO FERIDA É ÁCIDA
    DE FLORES MORTAS E CAÍDAS
    MINHA ALMA FRACA É CÁLIDA
    DE TORPES SONHOS SUICÍDAS
    MINHA PELE SANGRA E É DESPEDIDA
    DE ANSEIOS BONS E DE OUTRAS VIDAS
    MINHA GUERRA É SANTA E DESMEDIDA
    DE CAUSAS FALHAS E FALÍDAS
    MINHA BRAVURA É VÃ E HOMICIDA
    DE ÂNSIAS PLENAS E PERDIDAS
    MINHA MORTE INSANA É PROMETIDA
    DE FALSAS HONRAS ESQUECIDAS

    Mas Tossan, estou aqui para te convidar a ir buscar o selo que você mesmo confeccionou..rs...além de um outro que deixei a disposição ok...Espero que goste do outro também...obrigado pelo carinho e pela amizade jorjados através da poesia, dos poemas e das trocas de idéias...um grande abraço na alma...Elcio...bom fim de semana amigo...para você e sua família

    ResponderExcluir
  28. Odio por vezes leva ao amor ;)

    Lindas fotos!

    A dor pode trazer ódio e nesse momento sei o que é... enfim! Bonito post!

    ResponderExcluir
  29. Aprendi que o ódio só faz mal a quem o sente.Por isso não sinto ódio.
    Gostei do poema pela verdade e das fotografias que admiro sempre!
    Um beijo Tossan.Sempre fantástico.

    ResponderExcluir
  30. Do amor ao ódio... é um instantezinho!

    ResponderExcluir
  31. "É a derradeira síndrome
    da terrível dor do desamor."

    Pudesse o mundo acordar para esta realidade que contamina tudo e todos. Muitos odeiam até sem saber o porquê.
    Lindo como sempre amigo
    Valeu demais esta reflexão
    Um abraço com carinho

    ResponderExcluir
  32. É uma pena o que está acontecendo...O ódio gera mais ódio e esta guerra não acaba nunca...

    ResponderExcluir
  33. ...se quisermos a paz,
    havemos de nos preparar
    para a guerra, como diz
    velho ditado.

    o homem, este eterno guerreador,
    age sob os domínios da ignorância
    espiritual, que só será debelada
    de encarnações em reencarnações,
    e todas feitas ao calor da luz, esta que ainda se faz tão escassa entre nós.


    um bj procê!

    ResponderExcluir
  34. Meu amooooooooooooorrrrrrrrrrrrrrrr....saudades de vc !
    Ainda estou viajando e sem poder acompanhar direito meus amigos, mas passei hoje por aqui para te deixar um beijop enorme e desejar um 2009 com muito amor ( sem ódio....rs). Um ano tão lindo quanto seu blog, sua alma.
    Até.....volto logo!
    ............Cris Animal

    ResponderExcluir
  35. O ódio, a raiva, a mágoa e outros sentimentos menos nobres realmente adoecem nossos corpos e mentes. Precisamos "vender" mais sonhos e esperanças!
    Obs.: vc sumiu! Senti saudades!
    Com carinho

    ResponderExcluir
  36. Olá amigo Tossan!

    Falar sobre o ódio é tão simples nos dias de hoje, pois ele ocupa uma grande parcela nas pessoas por esse mundo à fora.

    As vezes não entendo, porque sentir tanto ódio de nossos semelhantes. Pior do que sentir ódio, é revidar com ódio.

    O Yin e o Yang é a mais pura verdade, pois para existir uma coisa, deve existir o oposto. Não existiria amor sem o ódio, assim como a luz sem a escuridão...

    Uma pena.

    O que separa o amor do ódio, é apenas uma linha. Essa linha chama-se RESPEITO.

    Abraço.

    Voltei a minha rotina e de blog novo! Gostaria que visita-se.

    temploblogueirospensantes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  37. Compartilho integralmente de sua dor, Tossan, e entendo perfeitamente sua revolta. Só não saberia expor assim tão lindamente, com fotos magníficas e palavras que nos tocam a alma.
    Abraços, daqui

    ResponderExcluir
  38. hola bonito detalle de la arena y el remo

    un abrazo

    ResponderExcluir
  39. Sabe Tossan,
    fico me perguntndo até quando o mundo viverá dessa forma.
    Até quando as pessoas vão matar e desrespeitar o seu proximo, e muitos dizendo ser em nome de Deus.
    Nesses momentos percebo o quanto ainda agimos de forma irracional. Pois nem mesmo os animais agem dessa forma.
    É de entristecer a alma e o coração de quem ainda é humano!
    Um abraço com meu carinho para você!

    ResponderExcluir
  40. “Reencarnação”

    Foi em tempos… há muito tempo
    Um tempo longínquo que já não sei…
    Recordadas no momento de um pensamento
    Pergaminhos da memória que furtei

    http://pensamanzas.blogspot.com/

    Uma boa semana com um abraço amigo…

    ResponderExcluir
  41. O mundo é reflexo do que os humanos se tornaram, penso que ninguém é melhor do que ninguém, pois todos temos em nós, raivas, ódios, orgulho enfim os ditos egos,
    penso que já não sabemos o que é o amor, somos impulsionados pela vida que logo de pequeninos nos ensinam que devemos lutar para conseguir, os empregos com objectivos traçados, não importam os colegas mas vencermos pisarmos para subirmos, isso acaba por nos tornar em máquinas exterminadoras, pessoas mesquinhas sem escrúpulos, e depois muito singelamente fazemos guerras matamos pela liberdade, afinal o que somos nós?
    beijos

    ResponderExcluir
  42. Olá Tossan,

    Belíssimo e muito a propósito, assistemos mais uma vez em directo e inexplicavelmente à continuação do confronto entre judeus e palestinianos.

    Tantos anos de sofrimento e ódio mutuo e ainda não perceberam que estão no caminho errado.

    Tossan a verdade não devia assustar devia motivar a levantar a voz, a indignação, a exigir compreensão.

    A indiferença é o mal deste mundo por isso continuamos a ter guerras, mulheres espancadas e mortas pelos maridos, bairros sociais que são guetos, crime de colarinho branco que fica sempre por punir etc,etc.

    Nós podemos mudar o mundo...se acreditarmos.

    Obrigado pela tua bela poesia "consciência"

    PS: quase me esquecia de comentar as fotos, estão belíssimas.

    ResponderExcluir
  43. ...o ódio é a sobrevivência do irracional...belo testemunho!

    ResponderExcluir
  44. Sim sim os olhos são os meus! Obrigado pelo comentario :D

    ResponderExcluir
  45. Oi Tossan! Vim pelo blog da Paula Barros e descobri vc e suas lindas fotos de Santos e Baixada.

    Sobre o seu texto, lembrei-me dessa história: Um velho índio descreveu certa vez sobre seus conflitos internos:
    "Dentro de mim existem dois cachorros, um deles é cruel e mau, o outro é muito bom e dócil. Os dois estão sempre brigando..."
    Quando então lhe perguntaram qual dos cachorros ganharia a briga, o sábio índio parou, refletiu e respondeu:
    "Aquele que eu alimentar".

    Por que pensar em fogos de artifício se em Israel são dolorosamente reais? E letais...

    Voltarei, parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  46. Caro Tossan
    Li e reli este seu poema.

    " o ódio é desalmado é traumático
    Significa o principio do fim..."

    Não poderia estar mais de acordo!

    Parabéns Tossan
    Abç
    G.J.

    ResponderExcluir
  47. Amiga(o) que em 2009 a Felicidade adopte seu coração, que o Carinho resida em seus caminhos, que os Amigos Leais se multipliquem, e que a Paz e amor se faça presente Sempre em sua vida, nossas vidas, para todos e para o mundo...beijos com amizade e carinho da naty

    ResponderExcluir
  48. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  49. Tossan....
    O ódio misturado a ignorância e ao fanatismo causa danos terríveis.
    Chico Xavier dizia que o ódio é simplesmente o amor que adoeceu.
    Acredito.
    O mundo está doente.
    Poesia forte. Contundente.
    Beijão e boa semana

    ResponderExcluir
  50. suerte en este 2009 tu trabajo es especial
    saludos brujos

    ResponderExcluir
  51. O seu blog é um sucesso! Impossível não passar todos os dias por aqui! Abração.

    Pedro Antônio - A TORRE MÁGICA - www.atorremagica.blogspot.com

    ResponderExcluir
  52. Olá ! Precisando de sol, vim passear por tuas fotos, embeber-me de beleza.
    Abraço

    ResponderExcluir
  53. Estive comentando isso agora a pouco aqui em casa,qdo assisti o fantástico falando da guerra,senti um ódio desses idiotas que fazem isso,a vida é tão boa(mesmo com seus altos e baixos)e,ainda existem pessoas que parecem que tem o prazer de ter uma arma poderosa numa mão e na outra sangue.Infelizmente existem sim,e nós o que fazemos é rezar pale Paz.

    Segunda-feira de luz amigo.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  54. Oi Tossan!

    A história sabe disso muito bem, nós é que não tomamos uma atitude, talvez porque os mesmos interesses têm donos diversos.

    Essa foto já deu o que falar, né?rs

    Muita paz e um abraço fraterno!!!

    ResponderExcluir
  55. Sabes tossan, já nem tenho pena deles! Querem matar-se que se matem! Tantos problemas no Mundo e eles ainda a arranjar mais um,logo numa altura destas!Ainda por cima por motivos estúpidos! Aquela Guerra só vai parar quando um dos países for aniquilado completamente!
    No que concerne ao amor, para mim o " the end" é a indiferença! Aquela pessoa deixa simplesmente de ocupar os nossos pensamentos, sejam eles bons ou maus!
    Um bom ano para nós todos!

    ResponderExcluir
  56. Anderson Eduardo05 janeiro, 2009

    Meu amigo tossan.... lindo post.... desejo um ano d e2009 cheio de paz, saúde e muitas felicidades... abração e tudo de bom

    ResponderExcluir
  57. Obrigado pela resposta no Em Livro.

    Iria jurar que quando aqui deixei o meu comentário a segunda foto não era de uma folha mas de um barco de madeira...

    ResponderExcluir
  58. Que a calma venha logo... já que a paz verdadeira creio não ser mais possível...
    Beijos Mila

    ResponderExcluir
  59. Gostei do visual dos amigos,pena não ser divulgado.
    Vou fazer isso agora no outro blog meu.

    bjs.

    ResponderExcluir
  60. Fala meu amigo, tudo bem?

    Feliz 2.009!

    Eu fiz um Selo para quem gosta de:
    Florbela Espanca.

    Se for o seu caso, pega um aqui:

    http://valterpoeta.blogspot.com/2009/01/selo-amo-poesia-florbela-espanca.html

    ResponderExcluir
  61. gostei das fotos mas com toda certeza o q sobressai é o lindíssimo poema,,,,que nesses tempos de guerras e bombardeios vem muito a calhar....

    que logo venha o tempo da paz ....e que o amor consiga reinar!!

    ResponderExcluir
  62. Oi, Tossan
    Vim olhar, apreciar. Verificando algumas modificações.

    abraços

    ResponderExcluir
  63. Querido amigo tossan,
    Sobre seu texto,vou repetir o que falei no blog do outro amigo Anastácio.
    Por mais que tente não consigo entender porque a guerra se todos querem a paz... No fim todos sofrem, não há vencidos nem vencedores,já que dos dois lados se perdem vidas,só estamos aqui de passagem e é isso que todos deveriam lembrar e valorizar cada minuto na terra respeitando as diferenças sejam elas quais forem e vivermos todos felizes.
    Um dia quem sabe saberemos o porquê disso tudo.

    Sobre a foto no meu blog,infelizmente não é minha, peguei do google. Linda não é ?

    Bjs meu caro amigo.

    ResponderExcluir
  64. Passei para te desejar um belo 2009 e me deparo com texto tão tocante. Que fala de algo tão perigoso, o ódio. Então aproveito aqui pra te desejar um 2009 cheio de muito amor e de muita paz.

    ResponderExcluir
  65. Conheci teu blog pelo blog da Sra,Dona Urtigão,(que eu adoro).
    Tuas fotos e textos são muito bonitos. Parabens, vou passar sempre por aqui.
    beijos

    ResponderExcluir
  66. Oi Tossan,

    Estava com saudades de suas fotos e poesias !

    Pois é, o que falta neste mundo doido é um pouco mais de amor e compreenção, respeito a todas as religiões, e não aniquilamento de pessoas por território, ou por divergências políticas oou religiosas, que se pensem mais em "HUMANOS" " PESSOAS" !!!!

    bjinhos

    ResponderExcluir
  67. Pois é...Eu acho que o ódio faz mais mal a quem odeia do que propriamente ao ser odiado...

    Gostei muito do texto, beijinho
    :*

    ResponderExcluir
  68. Veja quantas guerras, pai matando filha, filhos os pais. Meu Deus este mundo é terrível mesmo!
    Ainda bem que existe pessoas como voce cantando a paz com suas fotografias e textos.

    Bjuss

    ResponderExcluir
  69. Olá querido Tossan...pois é...o ser humano se esvazia a cada dia...é uma ausência de humanidade,dia após dia...é um retrocesso...um estágio de tristeza....é como se assistíssemos ao fim...o nosso fim...o ódio conjugado pela intolerância...pela falta de limite....pelo egoísmo que faz o homem se achar superior a muitas outas formas de vida...Adorei as fotos....são lindas! Grande beijo..vem brincar de bolha de sabão,lá no meu blogger! Uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  70. Olá, meu amigo!

    Pertinente esse texto, no atual momento em que vivemos, onde vemos mais ódio do que amor reinando.
    Precisamos redefinir nossos valores urgente, para que não sejamos tragados.
    Ainda acredito que o Amor vencerá!


    bjs!

    ResponderExcluir
  71. Olá grande poeta amigo Tossan, o ser humano precisa, infelizmente, viver e refletir sobre o ódio e as trevas, para talvez, na urgência do sofrimento e do terror, se lembrar que pode e deve buscar no fundo de sua alma o caminho para a paz, a harmonia e a mansidão.Parabéns pelo desafiador poema e as imagens que amenizam.

    Forte abraço

    caurosa

    ResponderExcluir
  72. "É a derradeira síndrome
    da terrível dor do desamor."
    - Quão certo você está!

    Magnifica postagem quer pelo excelente texto, quer pelas óptimas fotos.

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  73. me gusta la composición con cosas simples que logran algo profundo. buena foto y buenos tus paisajes. hermoso blog

    ResponderExcluir
  74. Querido Amigo Poeta Tossan,

    Texto repleto de verdades...Tu és iluminado por Deus!
    É sempre alegria pra meus olhos e mente ler teus belíssimos textos.
    Adorei, parabéns e aplausos!
    Deus te abençoe infinitamente tua vida.
    Beijos poéticos, rsrsrs.
    Com carinho,

    CelyLua.

    ResponderExcluir

Não costumo comentar pelo Google+, deixe o link do seu blog quando comentar pelo navegador. Obrigado

No suelo comentar sobre el Google+, dejo el enlace a su blog cuando usted comenta en el navegador. Gracias

I do not usually comment on the Google+, leave the link to your blog when you comment on the browser. Thank you

" Posso não concordar com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até o fim o vosso direito de dizê-la" ." (Voltaire)
Antes de mais nada fica estabelecido que ninguém vai tirar meu bom humor. (Fernando Sabino)

"Puedo no estar de acuerdo con una sola palabra de lo que dices, pero defenderé hasta el final su derecho a decirlo". "(Voltaire)
En primer lugar se establece que nadie va a tomar mi buen humor. (Fernando Sabino)

"I may not agree with a single word you say but I will defend to the end your right to say it". "(Voltaire)
First of all it is established that no one will take my good mood. (Fernando Sabino)