sexta-feira, 10 de julho de 2009

negra

***
***
Saboreie comigo
a minha beleza
cansada do vôo.
Sirva-se
o quanto desejar,
repita...
Se delicie
em meu corpo
esbelto e carente,
aproveite o ensejo,
sou de ninguém,
mas não ouse
desfazer este segredo.
Ninguém sabe
quem eu sou
só você..
Adeus!
(texto & foto por tossan)
*
blog convidado desta edição
desligue o som e assista o vídeo

115 comentários:

  1. Saboreio sim, sirvo-me a vontade das suas fotos, dos seus poemas...
    Ufa...e quem sabe mais? Beijos

    ResponderExcluir
  2. Já me servi de sua foto e poema.

    Bom dia.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  3. Voltou?
    O mesmo poema, a mesma foto, mas o ser humano não é o mesmo. Nem o poeta. Nem a observadora. Dias se passaram.
    Em outro momento, e ainda encontro-me sem palavras para esse poema.
    Hoje leio diferente.
    Onde nem precisaria de palavras, apenas do olhar, das mãos, da boca, para saborear.

    um abraço, envolvendo todas as belezas e encantos desse lugar aconchegante.

    ResponderExcluir
  4. um posto 100% unificado: poema, foto e o pier que é a tua marca registrada
    um abraço

    ResponderExcluir
  5. Bela combinação, de imagens e palavras.

    E muito obrigado pelo selo

    abraços

    ResponderExcluir
  6. O corpo da poesia, sim, é segredo, que hora é o bico longo do pássaro do mar, outra hora é o brilho das águas do mar. Uma hora é a corda em laço no cais, outra hora é o olhar que escolhe o ângulo da foto.

    Lindo seu poema.

    ResponderExcluir
  7. Tossan...
    Passei para deleitar-me nos seus poemas e fotos... maravilhoso este último... Servi-me à vontade!!!

    Beijocassss...

    ResponderExcluir
  8. Oi Tossan,

    Lindo poema. É um convite à natural curiosidade humana. Mas, se eu fosse português, talvez quisesse descobrir.

    Parabéns!

    Um abraço!!!

    ResponderExcluir
  9. ...como não saborear, degustar imagens e palavras, sem que isso
    nos transporte para a emoção?

    não dá para não dizer:

    tudo aqui é beleza de alma
    e inspiração.

    obrigada por me deixar entrar
    e encantar-me...

    obrigada pelo link...
    obrigada meu amigo!!

    muahhhhhhh

    ResponderExcluir
  10. Que bonito, Tossan!

    Foto e poema.


    Grande beijo

    ResponderExcluir
  11. Poucas vezes eu vi uma sintonia tão grande entre imagens e palavras. Não falo propriamente dos temas, não falo da escolha de uma imagem que expresse o que as palavras estão dizendo, ou vice-versa. Falo de sintonia, entende? Olhei pras fotos, li os poemas e não soube distinguir onde acabava um e começava o outro. Foi essa a grande poesia que encontrei aqui, uma poesia viva, encantadora, emocionante.

    ResponderExcluir
  12. belo poema e linda imagem...aprecio tua sensibilidade poética...

    abraços

    ResponderExcluir
  13. Até porque, penso que se sei quem és é porque sou também quem pensa que és.
    Aração

    Pois é, nosso texto já está lá no florescer.

    ResponderExcluir
  14. Lindo isso, Tossan! De uma delicadeza que nos faz sentir todo um mundo interior que você expressa tão bem e tão claramente em seus versos. A união da imagem com as imagens escritas completou um todo maravilhoso.
    Um grande abraço ao meu mais novo linkado.
    João

    ResponderExcluir
  15. "ninguém sabe quem sou, só você"

    e talvez você não esteja muito interessado.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Oi Tossan....no meu último post tem um convite pra vc.....
    Se topar o lance, e espero q tope, será um prazer....quando puder passe por lá...

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  17. Olá querido Tossan, magnífica fotografia e adorei o poema, a condizer com a foto... Parabéns Amigo !... Beijinhos de carinho,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  18. Lindos poemas, lindas fotografias...
    Nem sei como vim parar aqui, mas to viajando pelo teu blog, pela tua poesia... de palavras e imagens.
    Muito bom... tudo!!!
    Abração

    ResponderExcluir
  19. Será que sei mesmo?

    Bela foto e belo texto, nem preciso dizer, mas digo sim.

    Beijos mil, Tossan!!!

    ResponderExcluir
  20. Bela foto de conta luz...

    Belo poema, em que uma 'Diva' lhe emoldurou o sentido das palavras.

    Abraço

    ResponderExcluir
  21. Tossan!
    As palavras e a fotografia estão interligadas no clique da tua emoção...Lindíssimo poema!Adorei!
    Um beijo,angela

    ResponderExcluir
  22. Tossan, eu ADORO vir aqui! Seu blog, suas fotos e poesias me ajudam a continuar acreditando. Na vida, na fé, no amor. ADORO! Beijo

    ResponderExcluir
  23. Oi,

    Me delicio, e me delito com cada post seu! Maravilhoso !

    bjinhos

    ResponderExcluir
  24. A natureza nos forneceu a riqueza de detalhes e vc consegue colocar essa beleza prá nossa admiração através dos olhos de um poeta.

    bjos!

    ResponderExcluir
  25. Adorei este poema Tossan!Um artista nas duas vertentes.A fotografia está explêndida, aliás como sempre.
    Um beijinho.

    ResponderExcluir
  26. Olá amigo Tossan.
    Me absorvi de tudo em seu blog.
    Lindo e muito .
    Tudo aqui nos inspira encantamentos.
    Beijos e uma semana com muita paz e amor.
    Mil estrelinhas em seu caminho.

    Regina Coeli.

    ResponderExcluir
  27. mas eu queria muito saber quem és.

    bjosss...

    ResponderExcluir
  28. OLá amigo...lembrei do filme e do livro Fernão Capelo, por causa da frase "beleza cansada do vôo", as vezes digo que existe o cansaço alegre, e ele se dá quando fazemos algo de que gostamos muito...
    Bela postagem...um abraço...

    ResponderExcluir
  29. Bonito poema e uma bela foto!
    Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  30. Que belo Tossan!

    poema e imagem

    abraço ^^

    ResponderExcluir
  31. Linda foto e enigmáticas palavras poéticas. Não conto a ninguém...
    Beijo
    Lu

    ResponderExcluir
  32. Deliciei-me com as maravilhosas imagens e também com o lindo poema.
    Estou aqui em casa dos meus Príncipes e neste momento a utilizar o computador da minha filhota.
    Se não adicionar comentários, venho sempre "espreitar".:-)
    Jinhossssssss

    ResponderExcluir
  33. O enigma do pássaro e a beleza. O voo e a contemplação.

    beijo

    ResponderExcluir
  34. Belissimas imagens e belissimo poema, supersensivel o "se delicie em meu corpo esbelto e careten", muito lindo isso, um forte abraço e um otimo final de semana.

    ResponderExcluir
  35. Apenas completando, o comentario saiu antes da hora, penso que o amor é como um passaro mesmo, tem o poder de ganhar o infinito...agora sim, abraços....

    www.olivrodosdiasdois.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. Vim saborear com vc essas lindas imagens amigo.

    Fim de semana de luz para todos nós.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  37. Lindo poema, lindas fotos...
    Viajei...

    ResponderExcluir
  38. tossan, que convite mais delicioso. claro que vou saboreando tudo aqui, fotos magníficas e as lindas palavras deste poema.
    beijos de feliz sexta.
    Cleo

    ResponderExcluir
  39. Tossan,

    hoje, pelo sim, pelo não venho
    te buscar para brindarmos!


    tim-tim!!!

    ResponderExcluir
  40. Tossan... Que encanto!

    Corações sensíveis agradece...

    Vc conhece bem os mistérios da alma...


    Beijos e carinhos!

    ResponderExcluir
  41. A música casou com a imagem de maneira inenarrável. Lindo vôo.
    Abraçoo meu caro

    ResponderExcluir
  42. Passando para sorver e saborear
    Cada letra, palavra, frase, poema ou poesia…
    Para ler e ver, este jeito e modo de vida,
    O do universo das palavras!
    Pensamentos que aludo!
    Porque ler, sentir e sonhar
    A muitos… pode dizer nada!
    Outros… o nada pode dizer tudo!

    Um fim-de-semana
    Cheio de momentos e palavras
    De amor e alegria!

    -MANZAS-

    ResponderExcluir
  43. Querido Tossan;

    Novamente postado para outra vez "saborearmos"...

    Beijos mil!!!

    ResponderExcluir
  44. Un poema lleno de delicadez, acompañado de bonitas fotos.
    Besos

    ResponderExcluir
  45. Oi,amigooo

    Há voltou? Comofoi de viagem?

    Lindo!

    Vou apenas observar
    para que nao
    até que revele seu segredo.


    beijos

    ResponderExcluir
  46. Não ouso! heheheh Como eu sou intrometida, meu Deus!

    Negras lindas!

    beijão

    ResponderExcluir
  47. Segredo bom de guardar esse !

    Lindo... delicioso eu diria...

    Saudade de ti la no blog querido!

    Bejossssssss

    ResponderExcluir
  48. Selo de autenticidade RENATA CORDEIRO.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  49. Olá Tossan, este espaço é um sopro de ânimo para mim. Lindas aves fotografadas.
    beijinhos*

    ResponderExcluir
  50. Tossan. Saboreio as palavras com que nos delicias,as fotos outra beleza a não esquecer por aqui.
    Beijinho bfs

    ResponderExcluir
  51. Sou eu sei quem é ?
    Duvido ! Todas as pessoas que por qaui passamm sabem que é um poeta nato e muito sensivel !

    Um beijinho amigo da

    Verdinha

    ResponderExcluir
  52. Incrivel ou não como as mesmas palavras ou as mesmas imagens nos provocam diferentes sensações.
    "Casaste" maravilhosamente as imagens com as palavras e ambas são poéticas.
    É com grande orgulho que aqui estou e espero que tenhas noção perfeita da amizade e admiração crescente que sinto por ti.
    Quando a amizade é verdadeira, tudo se ultrapassa não é meu querido?
    Um beijinho muito especial e obrigada pela presença e apoio.

    ResponderExcluir
  53. fotos hermosas (sobre toda la del pájaro en vuelo) y palabras de ensueño

    ResponderExcluir
  54. Gostei desse poema, suave e bonito, as fotos estão lindas,
    abçs netunianos

    ResponderExcluir
  55. Bonita inspiração!!!!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  56. sou de ninguém,
    mas não ouse
    desfazer este segredo.

    Os segredos das palvras se revelando nas imagens,bravamente Tossan.

    Fim de semana de paz,

    Abraço!

    ResponderExcluir
  57. lindo poema !mas amei mesmo foi as fotos que passaro fofuxo!tenha um belo fim de semana!

    ResponderExcluir
  58. Maravilhosas imagens, lindo texto!
    Ótimo final de semana
    abraço

    ResponderExcluir
  59. È..cansado do voo..como me sinto..
    lindas fotos Tossan
    Bom final de semana
    Abraços

    ResponderExcluir
  60. Impresionante las tres tomas, amigo. Pero la última se sale, qué bien demostrada la esencia de la composición en líneas horizontales, el detalle del ave y ese fondo de la civilización imparable contradictoria con la esencia de la naturaleza que respira la foto. Genial

    Un abrazo

    ResponderExcluir
  61. Nossa, Tossan. Que lindo.
    Eu amei isso de 'ninguém sabe que sou só de você' me senti tão menina.. tão gostoso isso!
    Incrível sua sensibilidade. Só você.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  62. è com enorme prazer que saboreio e sirvo-me amigo Tossan. Excelenete como sempre. Bom fim de semana.
    Abraço

    ResponderExcluir
  63. Fotos lindas, poema maravilhoso..mas a musica é especial demais..
    Bela escolha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  64. fantástico, amigo... tanta libertad... y cuanta enviada me da no poder volar yo mismo.. pero con tus imágenes me acerco un poquito!

    un abrazo

    ResponderExcluir
  65. Todo segredo tem um sabor único. Pode ser oculto, instigante. Pode ser negro, branco, colorido...

    E o degustar começa sempre por caminhos que não conhecemos tão bem.... assim, alem de segredo, tudo pode ser uma agradável surpresa!

    Beijo meu

    Saudades eu ja estava daqui, de vc, dos meus amigos deste mundo magnífico.

    Te adoro, amigo do sorriso!

    ResponderExcluir
  66. Ave em quietude na mansuetude do pós voo. Postados os voos das aves,negras ou brancas ou com plumagem colorida são aves, somos aves, somos poesia e canto, em um canto qualquer, em pouso ou voo, amigo, somos aves implumes.
    E jovens ou não, somos carentes e o tempo é coisa de saber lidar, com o olhar e a astúcia dos pássaros. Segredos das aves, segredos dos homens, segredos dos voos de amar.

    Beijos, amigo.

    ResponderExcluir
  67. Sirvo-me com todo prazer...

    te desejo um ótimo final de semana.

    abraços

    ResponderExcluir
  68. Segredos são segredos, não devem nunca ser desvendados
    beijo

    ResponderExcluir
  69. Sempre lindo seus poemas e estas imagens são maravilhosas :)

    Beijinho para si

    ResponderExcluir
  70. Vim me servir do belo desse mar azul e ler seu poema contando a axistência de um segredo que ninguém sabe a não ser ela.
    Beijo

    ResponderExcluir
  71. Porque sou voo
    sou maré
    e infinito!

    Belo poema, Tossan!
    Gaivota linda!

    Um beijo

    ResponderExcluir
  72. QUERIDO TOSSAN... BELÍSSIMO POEMA E FOTOS MAARAVILHOSAS... ADORO LER-TE AMIGO... VOTOS DE BOM DOMINGO,
    ABRAÇO-TE COM MUITO CARINHO E TERNURA,
    FERNANDINHA

    ResponderExcluir
  73. Que bom que reeditou, assim pude me deliciar com fotos e poema.
    Lindos!

    Abraço.

    ResponderExcluir
  74. Ola Tossan!
    Que bom que escrevi algo que vc precisava ouvir (ou ler), fiquei contente...
    Belas fotos da Negra esbelta...me sirvo sempre por aqui!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  75. ...eu vi aqui, de novo, te deseja um excelente fim de sábado e um domingão bão de mais da conta!

    Segunda eu volto aqui...rs Atualize!

    beijos

    ResponderExcluir
  76. Olá Tossan, Caro Poeta, amigo das palavras e das Imagens!

    É um privilégio poder saborear as belezas da vida através da sua sensibilidade.
    Agradeço por emprestar-me sua visão para dar realidade a cada emoção, e poder
    apreciar esses voares.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  77. Saboreio sim, sirvo-me a vontade das suas fotos, dos seus poemas...
    Ufa...e quem sabe mais? Beijusss

    PS: Repito o comentario que fiz em
    29 de Outubro de 2008 às 04:35

    ResponderExcluir
  78. Belíssimas imagens, muito sugestivas. Dá gosto ver, sentir a materialização da beleza em cores e formas.

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  79. Tudo perfeito, fotos e poema, lindo mesmo.

    Se cada dia cai, dentro de cada noite,
    há um poço
    onde a claridade está presa.
    há que sentar-se na beira
    do poço da sombra
    e pescar luz caída
    com paciência.

    Pablo Neruda

    Desejo um belo domingo e uma linda semana.
    Abraços

    ResponderExcluir
  80. Negra mas linda e pq quero saber o teu segredo para chegares a essa bonita idade (202)

    Abraço___fotografado!

    ResponderExcluir
  81. Oi Tossan, estou aqui saboreando novamente as tuas palavras e as suas imagens, vi meu coments anterior e alguém já disse aqui uma vez sobre as impressões do momento e como elas mudam, ao ler tive mesmo uma outra idéia sobre o poema. De qualquer forma, a essência se mantém. Um abraço na alma...bom domingo.

    ResponderExcluir
  82. Tossan meu amigo mee desculpo pela ausência correria demais... por aqui alta temporada de inverno com o festival de inverno de Campos do Jordão, tem muita gente porr aqui! muito movimento no atelier.
    Quanto à reportagem, relaxe!!! a entrevista deve ir ão ar na primeira quinzena de agosto na Tribuna (Globo local) em horário ainda a definir em um programa semanal que fala sobre dicas de turismo, detalhe também trabalhei com TV, foram 5 anos fazendo as assinaturas e ofs de tudo que ia ao ar (Globo sp e Vale do Paraíba) agora só por aqui fazendo traquinagem rs rs rs....
    Abraços e parabéns pelas fotos e textos maravilhosos.

    ResponderExcluir
  83. Estamos tan acostumbrados a ver estos pájaros sólo cuando hay un desastre ecológico de derramamiento de petróleo sobre las costas, que nos olvidamos de lo bellos que son.

    Saludos!

    ResponderExcluir
  84. Sublime o poema e imagens…

    Ave de vida…asas de infinito

    Beijinho

    ResponderExcluir
  85. PASSANDO PRA DESEJAR UM BOM DOMINGO COM UM OTIMO COMEÇO DE SEMANA!E DIZER QUE AS FOTOS ESTÃO LINDAS COMO COADJUVANTES DESTE BELO POEMA !

    ResponderExcluir
  86. hahahahaha...acho que vc n entendeu nada daquele blog "blablablabla"! hehe É só um rascunho, tô fazendo um template pra querida Celamar (desabafo das calcinhas)...rs
    Vou excluir logo depois que ela colocar o dela no ar...

    enfim

    mais beijos

    ResponderExcluir
  87. Te espero em curiosa.
    curiosa atingiu seus 100 seguidores. Tem selo para vc.
    Sandra

    ResponderExcluir
  88. Voce convidou... Eu aceito... e de novo viajar contigo nessas palavras...

    Servir-me a fartar... me deliciar... Mas não ouses contar pra ninguem...

    Ah, Tossan... poesias embriaga tal e qual uma forte dose de conhaque...

    Que voce serve em dose dupla... tripla...rs

    Linda semana para voce!


    Beijos e carinhos!


    PS: Tossan, as vezes sentimos necessidade de falar o quanto gostamos das pessoas e não falmos, por uma sérioa de motivos bobos...
    Hoje queria te dizer o quanto gosto de voce, da sua amizade, do carinho que sempte tem comingo... Do quanto tem sido bom estarmos aqui nessa louca blogosfera compartilhando sentimentos!

    ResponderExcluir
  89. Deixando ao amigo um forte abraço e o desejo que tenhas uma excelente semana....

    ResponderExcluir
  90. Passando para desejar um ótima e feliz semana,
    beijosssss

    ResponderExcluir
  91. Lindas imagens!!
    Não sei como vc consegue escrever coisas tão lindas...
    Adorei!!!!
    Bjss

    ResponderExcluir
  92. sempre leio,saboreio,leio e saboreio sempre

    é uma delícia estar aqui...


    ler vc^^


    bj

    ResponderExcluir
  93. JEJE...LLEVA PELIQUIN

    SALUT
    JOAN

    ResponderExcluir
  94. Ah, os segredos, até PUCCINI tinha os seus... Lindo, como sempre e como você é.

    Um beijão e me perdoe pela demora em vir aqui,

    CON
    ON
    N

    ResponderExcluir
  95. Bellas imágenes. Me gusta particularmente la tercera. Un encuadre fantástico.

    ResponderExcluir
  96. Excelente captura, la tercera fotografía es genial, muy buena !

    ResponderExcluir
  97. A ave?
    Você desvenda no poema a sombra da alma feminina.
    Como é bom ser artista!
    Sabe o que os outros não sabem.

    ResponderExcluir
  98. Você já me encontrou na Sala dos Sonhos? Não me lembro...

    ResponderExcluir
  99. Oi, amigo!
    Voltei a vida dos blogs!
    Vi sua visita no meu blog esportivo. Gostei! Beijos, Rafaela.

    ResponderExcluir
  100. O BEIJO DA PAZ

    O amor se espalha em tudo
    Desde as gloriosas profundezas do oceano
    Até para além da estrela mais distante.
    Generoso o amor de tudo que é criado,
    Pois ao mais alto soberano
    O amor deu seu beijo de paz.

    Hildegard von Bingen (1098-1179), Alemanha
    (Tradução minha)

    ResponderExcluir
  101. E volto, já sabes que sim.
    E manchas e ave negras se transformam em tua fotografia onde a luz que emprestas, assim como teu texto, pode transformar feito um alquimista-artista que faz sujeira e ave ser poesia. E tu, poesia como ave, espreitas coisas em klic tossan e assim, negras aves, nuvens ou manchas negras sobre as águas, se transformam em poesia mas nestes elementos e com tudo que as manchas representam ou podem significar pode haver adeus.
    E no voo leve, breve ou triste de uma ave que parte, em voos assim, com aguas manchadas de negro, a ave pode estar indo em voo, de nunca mais voltar.
    .
    Como saber se a mancha afugentou para sempre a ave que quieta e atenta observava a ameaça?
    Voos de ir embora, voos de voltar, voos de não ficar, voos de ir prá sempre.
    Beijos, Tossan.

    ResponderExcluir
  102. Sabe apenas quem precisa saber... palavras e fotos bonitas.

    ResponderExcluir
  103. Ou então voe comigo... poderia ela dizer... ;-)

    Beijinho

    ResponderExcluir
  104. Olá grande poeta das imagens, o voo solitário dos pássaros me trazem lembranças da infância e um pouco de tristeza pela liberdade, que, às vezes nos é tirada pela vida e pelo tempo...

    Paz, harmonia em sua vida,

    forte abraço

    Caurosa

    ResponderExcluir
  105. Esse mistério de ser de alguém sem ser...é algo que arrepia a pele!

    Gostei do que vi e li...deu ar de liberdade!

    Um beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  106. Estou saboreando desta beleza que nunca me cansa, passo horas a observá-las e a admirar a graciosidade dos movimentos delas, as aves. Um beijo e parabéns pelas fotos e textos.

    ResponderExcluir
  107. hola ! aqui de nuevo, es preciosa la ultima foto

    un abrazo grande

    ResponderExcluir
  108. Bem que me falaram:
    -Veja o blog do tal Tossan, veja as belas fotos e o que ele se mete a escrever.
    Agora vejo que não perdi o meu tempo. Gostei.
    Jonas (praia)

    ResponderExcluir
  109. Saboreei a beleza deste poema bem longa e silenciosamente para não perturbar o encanto do momento

    Beijo Tossan

    ResponderExcluir
  110. Descobri e aproveitei.Assim como o bom vinho...

    ResponderExcluir
  111. 3 óptimas fotos desta interessante ave (que nunca tinha visto).

    Quanto ao poema, delicioso, como sempre!

    Beijos

    ResponderExcluir
  112. Excelente poema e trabalho fotografico, tem aqui um belo blog.

    ResponderExcluir
  113. Valeu pela visita, também sou apaixonada pelo seu espaço, te visito sempre e ainda nao vi a metade rs

    bjss

    ResponderExcluir
  114. "Negra"

    E... "ninguém sabe quem eu sou só você" Adeus!

    Muito bom!
    A foto é intrigante...

    bj

    CON

    ResponderExcluir

Não costumo comentar pelo Google+, deixe o link do seu blog quando comentar pelo navegador. Obrigado

No suelo comentar sobre el Google+, dejo el enlace a su blog cuando usted comenta en el navegador. Gracias

I do not usually comment on the Google+, leave the link to your blog when you comment on the browser. Thank you

" Posso não concordar com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até o fim o vosso direito de dizê-la" ." (Voltaire)
Antes de mais nada fica estabelecido que ninguém vai tirar meu bom humor. (Fernando Sabino)

"Puedo no estar de acuerdo con una sola palabra de lo que dices, pero defenderé hasta el final su derecho a decirlo". "(Voltaire)
En primer lugar se establece que nadie va a tomar mi buen humor. (Fernando Sabino)

"I may not agree with a single word you say but I will defend to the end your right to say it". "(Voltaire)
First of all it is established that no one will take my good mood. (Fernando Sabino)