quarta-feira, 13 de maio de 2009

egolatria

***

***
***
Fortaleço o meu ego,
plasmo as minhas emoções
nas artérias
do meu cérebro...
Equipo-me das vantagens,
pensando só em mim.
As desgraças alheias
não me diz respeito.
Profundo-me na avareza,
incremento a minha ode.
Nem sei quem vem lá,
não me importa,
quero egoli-los.
O que me serve é eu...
Um álibi perpétuo
que não pode decifrar
na minha egolatria
quem eu sou.
Assim é inexorável
cravar o meu nome
no epitáfio, nascer de novo
e implantar o novo outra vez!
(poema & foto por tossan)
*
blog convidado desta reedição

112 comentários:

  1. ...fizestes um retrato fiel
    de nosso políticos.

    e até que ficou bonito...rss

    bjus, moço!

    ResponderExcluir
  2. pela 1ª vez vi uma abordagem nova no texto e nas fotos
    hummm
    algo está em transformação em Tossan
    talvez este tenha sido o post de uma viragem
    abraços

    ResponderExcluir
  3. Oi Tossan,

    O homem é tão egocêntrico que criou deus à sua imagem e semelhança. A imagem deve referir-se ao visível, o que pode ser visto; a semelhança deve rerir-se aos modos e tudo que é da natureza do homem. Então, o que realmente somos? Não vou dizer que somos primatas, apesar de sermos, porque a Vivian já me puxou as orelhas.

    Linda visão. A cada leitura sou mais seu fã.

    Um abraço!!!

    ResponderExcluir
  4. Eu simplesmente adorei, é ousado, libertário e corajoso. Vc fugiu do lugar-comum poético, da definição de que a poesia serve melhor pra descrever o que se sente em ralação ao outro. Além de ter fugido daquela velha abordagem do que transcende, ganha os céus. Ao ler, tive uma sensação doce de familiaridade. Sabe de uma coisa? O divino pode até ser encantador, mas o humano me parece bem mais interessante. Aliás, interessante mesmo é poder oscilar sem pudores entre os dois extremos.

    P.S.: Obrigada pelo elogio, levando em conta tudo que tenho lido aqui, saber que gostou dos textos é mesmo muito lisonjeiro.

    Bjin !!!

    ResponderExcluir
  5. É o retrato do mundo em que vivemos, o pós-moderno, onde impera o narcisismo, onde ninguém olha para ninguém e só pensa em si próprio.
    Tossan, vc foi ao meu Blog Resenhas, deveria ter ido ao Galeria também. Por acaso você é o Tossan dos selos? Ganhei dois selos com esse nome e não sabia se era nome próprio ou outra coisa. Agora já sei e vou prestigiá-los mais ainda. Volte sempre, mas dê uma passadinha no Galeria também, acho que você vai gostar.
    Um abraço,
    Renata Cordeiro

    ResponderExcluir
  6. Verdades ditas com poesia ficam um pouco mais fáceis de serem assimiladas. Parabéns.

    Um abrço.

    ResponderExcluir
  7. Amigo:
    Queria mandar-lhe o meu selo, mas não tenho Outlook. Mande-me o seu e-mail para: renata99@ig.com.br
    Beijos,
    Renata

    ResponderExcluir
  8. É, meu caro... nascer de novo é uma lei, mas não para quem quer...

    Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Olá
    Vim retribuir a visita...volte + vezes será sempre bem vindo.
    Tenha um maravilhoso final de semana

    ResponderExcluir
  10. Há momentos na vida que precisamos olhar um pouco para nós mesmo. Nos ouvir. Há casos de egolatria, e há casos que confundimos como sendo.

    Mas um poema que sinto forte. Tenho sentido nos anteriores também.

    abraços

    ResponderExcluir
  11. Ler seus poemas não tem sido fácil. Eles nos abre um leque para interpretação. São vários simbolismo subjetivos. Quando na realidade não devemos interpretar um poema.

    Fortalecer o ego, poucos tem esse discernimento. E renascer também. Mas com o ego fortalecido o renascer é por vezes natural.

    beijos

    ResponderExcluir
  12. Meu Caro Tossan, obrigado por brindar-me com seu selo. Fique muito feliz, porém, meu blog não está colando, só com o código Html. De qualquer forma agradeço a sua gentileza.
    Na verdade, a vida é um constante renascer. Paz e harmonia para você.

    Forte abraço.

    CAUROSA - caurosa.wordpress.com

    ResponderExcluir
  13. É preciso renascer, de preferência mais fortes. Abandonar o passado, com amor e seguir em frente. Para tal não se deve descuidar a auto-estima. E, por vezes, é melhor estar só, quando estamos em sofrimento ninguém nos entende.

    Beijinhos,

    Graça Mello

    ResponderExcluir
  14. muito obrigado pela visita
    @h!br@ços,
    tadeu

    ResponderExcluir
  15. O endereço do meu blog ñ foi aceito,ou deixar aqui p/ vc me visitar sempre que puder.

    http://-forever.zip.net

    ResponderExcluir
  16. às vezes nem é tão egoísta assim olhar mais pro próprio umbigo. Às vezes é necessário mesmo!

    bjo ^^

    ResponderExcluir
  17. Ah, eu pensei que meu amigo virtual sabia o caminho. Dá uma sugestão para o link.

    que os anjos lhe protejam.

    bjs

    ResponderExcluir
  18. Verdade... é necessário nascer de novo. Ver o mundo com as formas e as cores do conjunto. Linda foto!
    Beijo, amigo
    Agradeço seus selinhos!

    ResponderExcluir
  19. Bom dia!

    Tem selinhos lá para vc.


    beijooo

    ResponderExcluir
  20. Perfeitas e sábias palavras...

    O gato junto com as suas palavras dizem tudo...

    Feliz sábado

    Miriam

    ResponderExcluir
  21. Me parece uma reflexão(na forma poética)sobre a virada... Um momento de pensar só em vc...um momento egoísta?(talvez)q no processo de mudança é SIM inevitável!O gato completa o quadro(de amor próprio e liberdade)

    P.S.Adorei a fotografia.Até pq adoro gatos!rs...

    ResponderExcluir
  22. Olá querido Tossan, gostei da tua alegoria e da maravilhosa foto... Amigo um dia de Paz e Amor... Beijinhos de carinho,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  23. Muitas vezes... Somos assim...
    Bem egoístas...
    Projetamos.. Um mundo só nosso.
    Mas nem sempre funciona.
    As coisas não giram apenas...
    Em nossa volta.
    Gosto do seu jeito de escrever...
    Rimando com as palavras.
    Consegue passar para o leitor...
    Emoção...
    Vontade de continuar ti lendo.
    Legal! Parabéns!
    Gosto de ti ver em meu espaço...
    Obrigada!

    Carinho!

    ResponderExcluir
  24. Olá! Gostei do seu texto!
    Obrigada pela visita!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  25. Há uma diferença muito grande entre o egoismo e o individualismo...
    Muito, muito bom seu poema. E a imagem também... perfeita.
    Abraços

    ResponderExcluir
  26. Uma triste maneira de agir e olhar a vida... Aqueles que vivem em torno do próprio umbigo, iludem-se que estão bem e saciados... Ninguém pode viver bem dentro do egoísmo, sobre o falso alicerce de um ego inflado e alienado!

    Muito bom o seu poema!!!

    Beijos de luz e um domingo FELIZ!!!

    ResponderExcluir
  27. Oi Tossan!
    Este teu poema é interessantíssimo,gostei!
    A foto de um felino foi o encaixe perfeito.
    Este egocentrismo acaba com todos os laços,é de uma autonomia doentia...pobre de quem tiver de conviver ao lado de alguém assim.
    Um beijo,angela

    ResponderExcluir
  28. Vc está certo, bela análise... normalmente as pessoas são assim, o q não deveria acontecer.

    bjos e ótima noite de sábado!

    ResponderExcluir
  29. "Assim é inexorável
    cravar o meu nome
    no epitáfio, nascer de novo
    e implantar o novo outra vez!"

    Lindo.

    Beijos mil, Tossan!!!

    ResponderExcluir
  30. Olá, venho dar a conhecer o meu novo blog, apos alguns dias para ficar tudo bem decidi começar com ele hoje, espero que goste de o visitar e que faça parte dos seus favoritos... com o tempos darei a conhecer o que gosto de fazer - Escrever..

    Beijos e boa visita.

    http://marprofundo.mine.nu

    ResponderExcluir
  31. Muito interessante, Tossan, esses versos que você fez, pois que me deixaram em sérias dúvidas. Muitas interpretações acorreram-me à mente, mas uma foi inevitável: Jesus disse "ama ao próximo como a ti mesmo". O verbo está no imperativo. Contudo, a interpretação não precisa vir no imperativo, e talvez a psicologia/psicanálise moderna possa dar-nos uma outra explicação, se re-pensarmos a frase no presente do indicativo: "amas ao próximo como (amas) a ti mesmo", ou seja, depois de Freud, Jung, Lacan e os seguidores deles (as teorias junguianas, para muitos, não são consideradas "psicanálise"), poderíamos dizer que é impossível para o ser-humano amar ao próximo mais do que a si mesmo, já que o que parte de nós é, em última análise, "nós mesmos". Assim, eu sou meu ponto de referência e meu melhor álibi; eu sou o meu começo e o meu fim. Eu sou Clotho, Athropos e Laquesis de mim mesmo, sou minha Altéia, meu Eneus e meu Meléagro; sou teocêntrico de mim e também demoniocêntrico de mim; meu alfa e meu ômega, meu zênite e meu nadir, enfim...
    Adorei seus versos, pois absolutamente transcendentais, e me obrigaram a pensar. Como tudo o que você escreve nos obriga a pensar.
    Obrigado, meu caro, pelo selo, que já vou incluir no meu blog, com muita alegria.
    Abraços do João

    ResponderExcluir
  32. Passando por aqui para desejar um otimo domingo.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  33. Renascer a cada instante, com certeza é importante. Vivemos momentos diferentes o tempo todo.

    ResponderExcluir
  34. Tossan, como diz um amigo poeta:

    "...REGATO
    UMA COR
    UM EGO
    CORRENDO NO REGO
    REGATO..."

    ResponderExcluir
  35. Esse poema foi complexo demais pra minha pessoa de 46 kg e 1,58 m! Mas, posso dizer que foi ousado e gostei disso! hehe
    Mas, a foto do gato está lindo! Poderia ser cachorro? Não, né...

    Ótimo Domingo, Tossan!
    beijos

    ResponderExcluir
  36. Lindo,

    Um ego-ismo perfeitamente poetico.

    Parabéns poeta!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  37. Fortale o teu ego para nascer de novo e implantar o novo de novo mesmo antes que seja tarde.
    Os teupoemas e fotos estão cada vez mais lindos ainda.

    Beijão

    ResponderExcluir
  38. Perfeito...adorei!...Lindo....a fotografia também é linda...estou sem palavras!..mas não o suficiente para não deixar meus votos de Boa semana!Beijo

    ResponderExcluir
  39. Olá querido Tossam, grata pelas tuas visitas...voltei a reler o teu poema e está SUBLIME!
    Hoje abri um novo blogue, para escrever poesias sem rimas, a morada é esta, que estou a postar no teu... Beijinhos de carinho e ternura,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  40. Oie, Vim aqui avisar que o meu novo endereço http://vilmasouza.blogspot.com/ Tive que criar "Coisas de Vilminha II" deviso ao outro ter lotado e não estava mais aceitando novas postagens. Aguardo sua visita em minha nova casa. Beijos e uma ótima semana. Quanto ao poema, quem é poeta é e o é Parabéns. Imagine ego+idolatrar, uau! é d+.

    ResponderExcluir
  41. Olá...de vez em quando é bom a gente se libertar e pular para vida,não é mesmo?..obrigada pela visita...acabei de atualizar....rs...Boa semana!

    ResponderExcluir
  42. Não é o teu retrato de certeza !
    Beijinhos verdinhos

    ResponderExcluir
  43. ...não conhecia as ruínas do casarão do Valongo.

    bela postagem, parabéns!

    Ruínas com egolatria, hummmm
    ego- la tria
    ru
    í
    nas

    beijos TOSSAN

    ResponderExcluir
  44. Deve ser primo do meu.
    "egataria" é a doença que sofrem os donos de gatos, lol.
    Abraço

    ResponderExcluir
  45. Great set of bird shots! Well captured.

    ResponderExcluir
  46. Que fantástica forma de entender e dizer que é preciso começar de novo! Chuto o pau barraca e mando bala! Isso é coragem, vontade, é o que muita gente precisa e não faz por estar amarrado em conceitos e preconceitos. Ainda que mudemos nossos sonhos, pensamentos, vontades, já é um grande começo, para mudar todo o resto.
    Começar de novo! Lindo, lindo
    Um grande beijo, CON


    Agora só volto de noite ...
    mas volto, se Deus quiser.

    ResponderExcluir
  47. Este maravilhoso poema faz-nos reflectir sobre este Mundo moderno em que vivemos e também como diz a Vivian "um retrato fiel dos actuais políticos" sejam brasileiros, portugueses ou de outro País.:-(
    O egotismo, defino quase como a maneira de pensar do meu Guga (neto) que só tem três aninhos, e que nesta idade começa a ser teimosinho, porque ainda não entende que a sua vida faz parte de um grupo, e deve imaginar que tudo gira à sua volta.
    As imagens são extraordinárias, qual a mais bonita e ao escolhe-las pensaste no sentido do poema.
    Um grande beijinho,
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  48. Faltou-me um pormenor muito importante que me lembrei quando estava a escrever, mas ao falar do meu Guga (que não me sai do pensamento) esqueci de referir.
    A forma como termina o poema é extraordinária! "Estamos sempre a tempo de começar de novo".
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  49. Acho que todos temos um pouco de egolatria,mas tem gente que exagera,não é?Um abraço!

    ResponderExcluir
  50. Um poema de muita profundidade no EU,onde você descreve o egoísmo, o narcisismo, a vaidade e a ganância do homem, esta, uma das maiores imperfeições da humanidade.
    Todos temos sim, alguma ambição, mas seria melhor se não adulássemos tanto o nosso ego, ou desviasse os olhos de nossos próprios umbigos.
    Belas imagens!!! Ainda bem.
    Você me perguntou onde estão meus versos? Fiquei sem saber meu amigo. Às vezes escrevo alguns, mas acho que só tenho sentimentos.
    Bjs

    ResponderExcluir
  51. Forte , porém profundo, e acho até que bem atual em relação a nossa sociedade de hoje,
    bela postagem amigo tossan,
    abçs netunianos

    ResponderExcluir
  52. Tossan, uma reprise, porquê?!
    Esta doeu, menino.

    Beijo

    ResponderExcluir
  53. "Egoli-los", "nascer de novo" implantar o novo".
    Gostei do neologismo, seria o verbo "egolar", como se fosse engolir tudo o que o cerca, o mundo todo, morrer para trazer a redenção, que seria o novo. Alguns já o tentaram...
    Que seja o novo, mas o novo novo, inédito, e não o novo velho, reciclado.
    Um poema metafísico, Tossan, que pode ser interpretado de várias formas, para mim o mais profundo que você já fez.
    As fotos com apenas 1 confirmam o processo de egolatria e o da criação poética.
    Victor Hugo comparava o poeta à águia, Vigny proclamava que os únicos intérpretes do espírito seriam os poetas e os filósofos.
    Você mergulhou fundo e eu lhe digo: por mais que você tente, jamais voltará o mesmo à superfície.
    Um beijo,
    Renata

    ResponderExcluir
  54. Tossan:
    Nada entendo. Há comentários de outubro de 2008, aliás 2 meus, e por eles vejo que o acabara de conhecer, de novembro de 2008, de janeiro de 2009 e os de agora, maio de 2009!
    É uma reedição, já vi, mas como foi parar aqui um comentário de janeiro de 2009 (Luis e Paula)?
    Renata
    PS: Apesar disso, vendo os meus comentários do ano passado, percebo que agora abordo a sua criação poética por um prisma intimista e não social, o que se explica pelo momento que estou passando.

    ResponderExcluir
  55. Oi, amigo tossan

    belissímas fotos.

    Quando li o título e passei a observar as fotos fiquei imaginando o quanto essas aves têm todos os motivos do mundo para serem egocentricas. São perfeitas.
    Vivem na delas, não se envolvem em confusão, esperam de Deus o suprimento para suas vidas.

    Daí cheguei no seu texto. Você, como uma ave, fez um voo para dentro de si mesmo. Ao mesmo tempo para fora, nos envolvendo em suas indagações.

    Gostei muito.

    Sou sua fã.

    bj

    ResponderExcluir
  56. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  57. gostei do gatinho ^^

    Como sempre grandes textos :P

    ResponderExcluir
  58. Bem... isso é que é bater nas aves :-) ehehhe, coitadas... um forte momento de poesia... as fotos que dizer, boas e bem conseguidas...
    Um abraço forte desse lado,
    Nuno

    ResponderExcluir
  59. Tossan :(, não foi uma critica!
    Li assim, uma raiva... tão grande, tão grande, que fez doer. Assim como uma repetição (de raiva) de outros tempos....
    Bju meu :)

    ResponderExcluir
  60. O ególatra, como uma lagarta no casulo, vive preso no invólucro do egoísmo. Não tem consciência de que existe vida (no sentido físico e humano) além da sua. Não faz idéia de que as dores e tribulações que sente, também são sentidas por outras pessoas. Enquanto sua cabeça descansa tranqüilamente no travesseiro.
    Mas esse não é vc.
    A pessoa que gosta de dividir as belezas e as amarguras.
    Que mundo maravilhoso se tivessemos mais ególatras como vc.
    bjs

    ResponderExcluir
  61. Nao pode ser você que tira essas fotus maravilhosas!

    Vou-me embora daqui antes que te bata ! hsuahsuahsahushasahsuhshsuh

    ès fuedA!
    =P

    ResponderExcluir
  62. Animais são sempre um presente e garantia de lindas imagens. O texto abaixo muito interessante, adorei.

    ResponderExcluir
  63. E se eu dissesse que todos nós somos um só... Faria alguma confusão? Por exemplo, eu sou o reflexo de ti que sai de mim, que sou o outro... (sou terrível!)

    ResponderExcluir
  64. Ola...
    Lindo retrato de Gato:)
    Buenas Dias mi Amgigo...

    ResponderExcluir
  65. Eu, às vezes, queria desnascer ou, pelo menos, mudar de pele como as cobras. É bem mais difícil mudar o mundo...

    Até logo

    ResponderExcluir
  66. Muito bonito o poema...as fotos são lindas...mas eu adoro gatos...meu voto é pra ele...rsrsrs

    Beijoooo

    ResponderExcluir
  67. Caro Tossan,
    mais um poema bem ao seu estilo que enriquece o seu espólio.

    Parabéns!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  68. o ego vc disse tudo o que se pode dizer!
    connheço-o de perto
    todos nos conhecemos

    sempre esta por perto.
    tenha uma boa noite!

    ResponderExcluir
  69. Nossa, Tossan, esse poema é pra dar uma boa sacudida em muita gente.
    As fotos, como sempre, maravilhosas.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  70. Bonito gatito, precioso.
    Y geniales palabras.
    Saludos.

    ResponderExcluir
  71. *
    amigo
    ,
    no ponto certo,
    só . . .
    ,
    aquele abraço,
    ,
    *

    ResponderExcluir
  72. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  73. Somos "passageiros" de um lindo raio de luz
    que nos conduzem a eternidade.
    Conseguir perceber, sentir e tocar
    este raio de luz dourado
    é como manter uma comunicação
    permanente com os nossos anjos.
    Os anjos são nossos protetores e
    nossos guias verdadeiros,
    que nos conduzem de uma forma iluminada
    ao entendimento,
    a compreensão e ao amor.
    E nos incentivam principalmente a construção
    de uma vida em plena harmonia com o universo.
    Portanto, olhe para o céu hoje, deixe que seu coração seja banhado por este "oceano de luz"
    que irá transformar sua vida.
    Deixe que ele ilumine sua vida com os raios da "FELICIDADE"!!!

    beijooo.

    ResponderExcluir
  74. Amigo tossan,

    Lindo poema com belas fotos!!!

    Abraço

    Lourenço

    ResponderExcluir
  75. Uau!
    Agora você me ganhou.Kissing a Fool,uma das minhas canções prediletas.
    Essa mistura de gostosuras que compõem seu blog faz bem aos olhos,aos ouvidos e à alma,é claro.
    Ficaria por aqui durante horas te lendo,te ouvindo...
    Escreveria mil elogios notáveis às suas palavras e ao teu bom gosto,o que não seria nada mal,porém redundante a você.

    *Brasileira,descendente de portugueses(como 99% de nós.Por quê?

    Um beijo artista

    ResponderExcluir
  76. É, o egocêntrico morre por seu próprio veneno...diferente este texto, mas não menos interessante por isso!

    Bjs

    ResponderExcluir
  77. Fotografias fantásticas a que nos habituaste, quanto ao poema não consigo identificar-me apesar de estéticamente resultar.
    Penso sempre nos outros.Erro sim sempre que me anulo mas nunca deixo os outros para trás.É contra a minha natureza.
    Gosto muito da foto do gato.Tenho um já com 21 anos.

    ResponderExcluir
  78. Que espantoso post..fotos lindas...


    Abraço

    ResponderExcluir
  79. Tossan querido,vc é perfeito,conseguiu me deixar sem palavras.....

    adorei o poema,que casou de uma forma incrível com as fotos....

    SENSACIONAL....LINDO^^

    ''Eu, eu mesmo... Eu, cheio de todos os cansaços Quantos o mundo pode dar. Eu... Afinal tudo, porque tudo é eu, E até as estrelas, ao que parece... Me saíram da algibeira para deslumbrar crianças... Que crianças não sei... Eu... Imperfeito? Incógnito? Divino? Não sei... Eu...'' Fernando Pessoa

    BJAUM ENORME PRA VC^^

    ResponderExcluir
  80. Tossan. Devemos sempre renascer,mesmo o ego! a foto de cima é igual a minha gata?
    Beijinho bfs

    ResponderExcluir
  81. he visto un lindo gatito
    ;)

    besos

    ResponderExcluir
  82. Tossan, você me disse ontém que meu blog estaria aí como indicação, ou coisa parecida. Em primeiro lugar quero te agradecer muitíssimo por isso. Estou e estive e estarei aqui, por você ser uma pessoa sensível e trazer para mim e muitos de nós, um blog para lá de especial, sensível, bonito, verdadeiro e sublime. Assim o vejo.

    Hoje ainda, não me lembro quem me cumprimentou no meu blog, por eu estar no seu click por aqui. E agora vem a pergunta mais cretina que você ouviu: Hoje, pode não estar mais, mas onde se vê isso que você gentilmente me presenteou? Sou ruim de ferramentas aqui... Lerda, bobinha. Ontém vim aqui algumas vezes e não percebi nada.

    me perdoe, mas me ensina isso?
    Um beijo e mais uma vez, muito obrigada por seu carinho comigo. É você a grande estrela ou uma delas, no gênero do seu blog!

    Beijos, CON

    ResponderExcluir
  83. Bonita serie, la primera del felino me encanta, la mirada es genial.
    Un saludo

    ResponderExcluir
  84. O olhar dos animais mostra este fome "egoísta" de salvar a própria pele. Perfeito.

    abraço.

    ResponderExcluir
  85. Oi Tossan...passei pra desejar um ótimo final de semana pra ti..;)

    Sobre o poema prefiro reservar meu comentário, já que hj na verdade estou meio que digamos...lenta!rs...bjo

    ResponderExcluir
  86. Você é um Ser Humano ímpar.
    bjs.

    ResponderExcluir
  87. Crescer livre, no pensamento transportando-o de forma madura e rica,pela coragem e espontaniedade de ser frontal,voce nos apresentou um retrato do atual cenario politico(para não dizer mesmo de alguns rss) parabéns pela transparencia meu caro amigo.

    Final de semana de paz pra voce.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  88. Ah, Tossan...

    imagens tão belas... poema perfeito
    !
    Boa noite
    !!

    ResponderExcluir
  89. Que fotos lindas, adorei!!!

    Texto magnifico também!!

    Bjos em teu coração!

    ResponderExcluir
  90. Pensamos demasiadamente
    Sentimos muito pouco
    Necessitamos mais de humildade
    Que de máquinas.
    Mais de bondade e ternura
    Que de inteligência.
    Sem isso,
    A vida se tornará violenta e
    Tudo se perderá.
    (Charles Chaplin)

    Hoje passando para desejar um final de semana com muito amor e carinho.
    Abraços do amigo Eduardo Poisl.

    ResponderExcluir
  91. Pois quer engoli-los, faz parte da natureza dele! Tenho um gato e sei como é! Estão nespectaculares as fotos, sei muito bem que é muito difícil, fotografar animais e pássaros!
    Belo texto a acompanhar!
    beijinhos

    ResponderExcluir
  92. Good shot, especially the cat one.

    Greetings from Cat City Kuching.

    ResponderExcluir
  93. Um retrato corrente da atualidade, mas não o nosso reflexo, amigo Tossan!


    Beijos e lindo fim de semana!

    ResponderExcluir
  94. Desejo um super fds com muito amor e paz,
    beijos

    ResponderExcluir
  95. ...Entre
    o Viver e o Morrer - o Sobreviver.
    Ímpeto, Destino e Instinto...
    No instinto, a manutenção da vida. Livres? - Nem tanto.
    Homens e animais, estamos fadados às inexoráveis leis da natureza. Da poeira ao pó...
    Da primeira à última respiração. Do berço ao epitáfio.
    NADA - EU, existindo - NADA...
    Caminhada, Viagem, Aprendizagem, Vida, Imortalidade ou Nada...

    Pulsação e pulso, eis UM.
    UM, OUTRO UM da espécie, instinto e, no ímpeto, outra VIDA.
    Eis Mais UM da espécie animal.

    Entre os homens SENTIMENTOS colorindo o instinto e, igualmente ou não, outras vidas virão.

    Cadeia predatória e a natureza faz de caça e caçador, outros seres viventes.
    Pelo instinto de sobrevivência o mais forte se sobrepõe e, para sobreviver, aniquila o mais fraco.
    Eis o mundo animal, reino de instintos e as espécies.
    Embora indivíduo, há espécies gregárias, também.

    Nisto talvez pudéssemos compreender o humano nos Homens.
    E sendo Um destes, não excluirmos.

    Na consciência da alma, o EU.
    E o pensamento diferencia o homem do animal. Embora isto, saibemos que no humano há instintos animais. E que talvez, estes sejam imprescindíveis à sobrevivência.

    Aqui uma das possíveis funções da 'Egolatria', retratada de forma brilhante pelo teu olhar no
    Klic Tossan. Texto explêndido. Forte! Cheio de VIDA!

    És bárbaro porque àquele que aniquila a própria vida, falta, justamente, esta força motriz.

    Ao túmulo, com ou sem epitáfios, chegarão todos os viventes.
    Porém no humano, a consciência de SI não é bastante para dar conta da caminhada entre o viver e o morrer. Porque se não usarmos o 'instinto de sobrevivência', atentaremos contra nós mesmos, aniquilando a VIDA.
    Epitáfios prematuros de um Self destrutivo.

    Seres pensantes possuimos algo a mais. Se não formos demasiadamente egoístas, sustentaremos o planeta. Mas precisaremos ser, egoistas o bastante para SOBREVIVERMOS, preservando nossas vidas - AMOR A SI, algo que os animais não sabem mas o HOMEM PODE E DEVE TER, SEM CULPAS.
    Sobreviver é preciso, apesar do inóspito e do absurdo mundo de animalidades do humano.

    Consciência do EU, consciência do Mundo, consciência Cósmica e, mais que estas urge, a Consciência Sustentável.
    Perenidade planetária.

    Prefiro pensar que neste teu post, aparentemente simples em que retratas a natureza animal, HÁ mais conteúdos do que tudo isto que as minhas parcas palavras tentaram traduzir.
    Por tanto e por muito mais que disto, eu sinto, tu, Tossan, és tão, és tanto e és muito mais, sempre.

    ResponderExcluir
  96. A foto perfeita pra essa postagem é mesmo a do gato. Lá em casa mora um gato. Não posso dizer que tenho um gato. Primeiro porque acho meio estranho essa coisa de possuir um ser vivo. Depois porque quem convive com gatos sabe que eles decididamente não são propriedade de alguém. Gatos são muito independentes, mais que isso, são solitários mesmo. Vivem no seu mundo, onde permitem eventualmente que alguém entre. A aproximação é normalmente meio desconfiada e é ele (o gato) que toma a iniciativa. Caso contrário, normalmente se retrai. Só que há um detalhe. Eles podem até sobreviver sozinhos, prover comida, o básico pra não morrer, mas não são auto-suficientes. Ninguém é. A gente pode ser adepto da egolatria, pode viver centrado em si mesmo, mas está sempre rodeado pelo outro, é inevitável. E isso, por si só, já joga por terra qualquer tentativa nossa de ser o bastante.

    Mas sabe de uma coisa? Eu acho que não poderá nunca se abrir de verdade a outra pessoa aquele que não soube se dar inteiramente a si mesmo em algum momento.

    ResponderExcluir
  97. Um hino ao egoísmo ...
    ...você generosamente oferta suas fotos e poemas ... spettacolari dizer visões encantada!!!

    um abraço
    :-)

    ResponderExcluir
  98. Precisamos absolutamente de gostarmos de nós!
    É vital...

    ResponderExcluir
  99. Parabéns por todo o seu trabalho poético e fotográfico.
    Abraços

    ResponderExcluir
  100. A altivez nas tuas fotos até emociona, Tossan! Adoráveis!

    Eu sou
    Universo
    Faço o mar
    O vento e o amor
    Sou navio
    que não afunda
    Sou Alter
    que fecunda
    a terra...!

    Beijinhooooo!

    ResponderExcluir
  101. ...e nem notamos a limitada fronteira da palavra desse eu que erguemos nossa volta.

    ResponderExcluir
  102. Passei para deixar um oi. Beijos!

    ResponderExcluir
  103. Lindo seu blog..
    Adorei..
    Não participou da Tertúlia??
    Gostei do teu comentário em outro blog...
    Participe da próxima..haha..Ok?
    Bjssssssssss
    Regina d´Ávila.

    ResponderExcluir
  104. Estar aqui é renascer nas emoções!

    Uma semana de dádivas ao seu coração

    Beijos

    ResponderExcluir
  105. Há preferências que às vezes machucam.
    Bom domingo e boa semana, Tossan.
    Um abraço,
    Renata

    ResponderExcluir
  106. Um poema belissimo

    Nunca sabemos bem quem somos ou por quem estamos rodeados.
    No entanto vale sempre a pena reinventarmo-nos.

    Belas as fotos. Gostei muito da primeira, pois tenho uma gatita igualzinha.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  107. Ufa! Me faltou respiração. Bjs

    ResponderExcluir
  108. Oi TOSSAN
    Sinceros Parabéns amigo
    Suas fotos estão LINDAS!
    As Aves foram muito bem fotografadas.
    Mas cuidado com o gato... ele está atento a elas...rsrsrs
    Abç
    G.J.

    ResponderExcluir
  109. wow...such a great pictures you have.
    wanna ex-link with me?

    ResponderExcluir
  110. .__________querido Tossan




    lindas (imagens) fotos


    .com uma "moldura" bem intervencionista_________amei!




    _____________________///








    beijO______ternO

    ResponderExcluir

Não costumo comentar pelo Google+, deixe o link do seu blog quando comentar pelo navegador. Obrigado

No suelo comentar sobre el Google+, dejo el enlace a su blog cuando usted comenta en el navegador. Gracias

I do not usually comment on the Google+, leave the link to your blog when you comment on the browser. Thank you

" Posso não concordar com uma única palavra do que dizeis, mas defenderei até o fim o vosso direito de dizê-la" ." (Voltaire)
Antes de mais nada fica estabelecido que ninguém vai tirar meu bom humor. (Fernando Sabino)

"Puedo no estar de acuerdo con una sola palabra de lo que dices, pero defenderé hasta el final su derecho a decirlo". "(Voltaire)
En primer lugar se establece que nadie va a tomar mi buen humor. (Fernando Sabino)

"I may not agree with a single word you say but I will defend to the end your right to say it". "(Voltaire)
First of all it is established that no one will take my good mood. (Fernando Sabino)