quinta-feira, 24 de março de 2011

solitário


Não importa o tempo que me resta,
devo a vida tudo o que ela me deu,
não vou pagar pelos meus múltiplos fracassos
e nem tão pouco creditar as honras
das minhas vitórias que foram algumas...
Quero é viver o que me resta com a dignidade
e a serenidade do viajante errante solitário
que pode voltar as origens a qualquer tempo
isso que me importa e não conquistei só...
(texto&fotos por tossan)
<>
álbum p&b

segunda-feira, 14 de março de 2011

maleável



.
Eu nunca lhe quis, jamais pensei...
Você chegou de visita,
farejou a minha mão como quem não quer nada
com a cara de filhote de cães vagabundos,
me olhou com olhos piscando pra mim,
não pude rejeitar a sua conquista de moleque cachorro...
Destrói os sapatos, arranca as cortinas,
mas agora é tarde,
daqui não arreda as patas
porque você me adotou e me sinto maleável...
É, só tinha que ser com você!
(texto&photos por tossan)
<>
álbum p&b

segunda-feira, 7 de março de 2011

amanhã


Tranque a casa
e feche a conta
há luz lá fora
apesar da noite
quero vida e quero já
vamos viajar
sinto que há algo no ar
vamos agora
porque hoje
já é amanhã
(texto&photos portossan)
<>
álbum preto&branco